[texto e foto] São Paulo, são muitos.

São Paulos, são Madalenas, são Beneditos, são Marias.
São muitos.

São meninos, são meninas;
São um, são dois, são três.
São muitos.

São brancos, são negros, são amarelos, os pardos.
São misturas.

São Ibirapueras, Tucuruvis, Jabaquaras, são Armênias.
São indígenas, são brasileiros, bolivianos, são coreanos.
São muitos.

São paulinos, são corinthianos, palmeirenses.
São o aqui, o agora.

São o mundo.

São Augustas, são Marias, são Tiradentes, são histórias.
São parques, cafés, museus, são memórias.

São Paulo.

São bares, ares, mares.
Rotinas, correrias, dia a dia.
São ricos, pobres; tão nobres.

São campos, são areias, são lagos.
São sóis, são chuvas, são ventos.

São Paulo.

Liberdade, Paraíso ou Consolação?
São escolhas.

São Paulos, são Anas, Santanas, os Júlios.
São muitos.

Sensações, sentimentos.
São Paulo. É amor.

Advertisements

[relato] Pinacoteca / SP

Esse post faz parte do Guia Rápido e (quase) completo de São Paulo e está numa constante construção. Se tiver dúvidas, sugestões ou encontrar erros, por favor, entre em contato.

A Pinacoteca do Estado de São Paulo foi “fundada em 1905 pelo Governo do Estado de São Paulo e é o museu de arte mais antigo da cidade” (trecho retirado do site). É um museu que apresenta, em seus 3 andares, exposições fixas sobre a cidade de São Paulo e Brasil, e exposições temporárias, sobre diversos assuntos e que atraem desde crianças até pessoas com mais idade. Possui uma arquitetura incrível, minimalista, e um espaço bem aberto e arejado pra você apreciar, com calma, a arte ali presente.  Conta com programações especiais para crianças e recursos para portadores de deficiência.

Tem lanchonete e loja de presentes, em frente, tem o Museu da Língua Portuguesa e, ao lado, o Jardim da Luz (pra fazer um pic-nic!)

Como chegar? desça na estação Luz do metrô e ande dois minutos 🙂
Horário de Visitação: terça a domingo (10h às 17h30) e às quintas até as 22h.
Valor: R$6 (inteira)/ R$3 (meia) com integração à Estação Pinacoteca. Grátis aos sábados
Lugares próximos: Museu da Língua Portuguesa (em frente), Jardim da Luz (ao lado) estação da Luz, estação Júlio Prestes, Museu de Arte Sacra, Estação Pinacoteca, Memorial da Resistência de São Paulo.

Dica: separe um sábado para conhecer a Pinacoteca e o Museu da Língua Portuguesa (ambos gratuitos somente aos sábados) e o Memorial da Resistência de São Paulo e a Estação Pinacoteca (gratuitos todos os dias).

A seguir, algumas das fotos que tirei nas muitas vezes em que visitei o museu.

[fotos] Vila Madalena/SP

Fotos que fiz na Saída Fotográfica FUJIFILM Série X realizada gratuitamente pela DOC Galeria em parceria com a Fujifilm pela Vila Madalena-SP (todas as fotos foram tiradas com a Fujifilm X-M1). No fim da página, algumas informações sobre a Vila (incluindo atrações culturais, como chegar e onde se hospedar)

Sobre a Vila Madalena: um bairro colorido, cheio de graffitis, bares, centros culturais e opções mais alternativas de diversão.

Destaques: Beco do Batman, Beco do Aprendiz, Praça Benedito Calixto (onde rola uma feira de antiguidades aos finais de semana), Instituto Tomie Ohtake, Praça do Pôr do Sol.

maps
clique aqui e veja o mapa das atrações e estações da Vila

Acesso: estações Vila Madalena, Faria Lima, Cidade Universitária e Sumaré.

Onde se hospedar: Vila Madalena Hostel(R$45/12camas) ou Ô de Casa (R$50/8camas)

+Vila: 10 bares mais badalados